Doenças cardíacas e saúde da mulher

Doenças cardíacas e saúde da mulher
5 (100%) 2 votos Gostou Do Artigo?Deixe Seu Voto

Doenças cardíacas todo mundo corre o risco de contrair doenças cardiovasculares, mas os dados provam que elas são mais freqüentes nas mulheres e mais fatais nas mulheres que nos homens.De cada 10 mulheres 6 apresentam problemas no coração que é um dos órgãos mais vitais para a estabilidade do corpo.

Os dados não mentem, quando mulheres tem infartos ocorrem de maneira bem mais fatais e acabam levando a óbito.Você sabia que o tamanho da barriga também influencia na incidência de doenças cardíacas graves? Muitas mulheres, assim como homens, levam uma vida muito sedentária por isso acabam entrando no grupo de risco da desse tipo de doença.

O acumulo de gordura tanto na região das coxas, como em outros lugares acontece de forma mais extensa nas mulheres e no período da menopausa o risco da obesidade mórbida aumenta ainda mais.Várias são as causas que podem levar alguém a ter doenças cardíacas, mas entre esse enorme grupo de  pessoas com fatores de risco os mais graves podem ser considerados hipertensão, diabetes, estresse, e as pessoas que fazem uma má alimentação.

Século vinte e um é um século cheio de pessoas doentes, isso se dá maiormente pelo aumento dos maus hábitos da população e da falta de preocupação coma saúde. Aumentou-se a comodidade e o conforto das pessoas, mas houve uma diminuição gradativa da preocupação com a saúde. Certa de 34% das mulheres com doenças cardíacas acabam sofrendo um infarto e isso pode ser fatal! Apesar do grande aconselhamento que os profissionais de saúde fazem, a maioria ignora os riscos que podem ser fatais.

Se você quer saber como fazer para sair fora dessa lista de mulheres que morrem por negligência própria fique atenta a esse artigo e leia-o até o final, isso pode salvar sua vida.

doenças cardíacas
Foto:Divulgação/pt.dreamstime

Como prevenir doenças cardiovasculares?

A prevenção da doença é a mesma tanto para homens como para mulheres com alguma alterações especificas para a classe feminina:

  • Evitar o uso de cigarro
  • Evitar o consumo excessivo de álcool
  • Usar o anticoncepcional certo (o melhor indicado pelo ginecologista)
  • Evitar consumo excessivo de açúcar
  • Não comer comidas muito gordurosas
  • Não abusar no carboidrato que pode levar a obesidade
  • Evitar práticas sentarias.
  • Controlar os níveis de colesterol
  • Fazer uma reeducação alimentar
  • Verificar o histórico familiar: se tiver muita incidência de doenças cardiovasculares procurar o médico mais freqüência.
  • Praticar exercícios físicos no mínimo 40 minutos por dia
  • Não deixar a circunferência abdominal chegar além de 80 cm, nas mulheres principalmente.

Dos itens citados a pior associação no caso das mulheres é fumar enquanto toma anticoncepcionais, essa junção de fatores maléficos podem aumentar ainda mais as chances de ter um farto ou outro agravamento cardíaco.

Hábitos saudáveis são muito importantes na luta contra as doenças do coração, é fundamental que as mulheres consultem regularmente um médico. Associações boas são: reeducação alimentar e exercícios físicos, com isso além de perder peso e aumentar sua auto estima a mulher tem a chance de se prevenir contra possíveis doenças que podem levar á morte.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *